2

3 dicas simples para identificar o melhor modelo de currículo

Esse artigo é um Guest Post escrito por Adriano Silva do iCurriculum Vitae.

Quando um profissional ou estudante inicia sua atividade para ingresso no mercado de trabalho, a primeira etapa a ser realizada á a elaboração de um currículo.

Este ponto é o primeiro e mais importante para demonstrar ao empregador a primeira impressão sobre o candidato em questão.

Desta forma, o currículo deve conter informações essenciais para que o entrevistador possa conhecer os pontos de interesse neste candidato, sempre de forma objetiva e mais eficaz possível.

COMO FAZER CURRÍCULOS QUE SÃO UMA MÁQUINA DE CONVITES PARA ENTREVISTA

Isto significa que para a elaboração de um bom currículo, o profissional ou estudante deve saber que seu documento tem a obrigação de demonstrar da melhor forma os eventuais interesses do mercado em profissionais que atuam no seu segmento.

Para tanto, o candidato pode escolher entre uma série de currículos existentes, com o objetivo de reconhecer o que mais atender às suas necessidades e melhor corresponder também aos pontos que devem ser informados para o seu futuro empregador.

Para reconhecer de forma exata qual o melhor e mais adequado modelo de currículo, o candidato deve observar uma série de exemplos que podem indicar o modelo correto a ser escolhido. Nesta etapa é indicado que se realize uma pesquisa sobre os modelos de currículos existentes.

COMO IDENTIFICAR O MELHOR MODELO

Mesmo diante de inúmeras possibilidades para a construção de um currículo, o ponto mais importante na hora de identificar qual o mais indicado para cada candidato é simples e está na área de atuação de cada profissional. A partir daí já é possível entender qual o modelo e qual a linguagem que deverá ser usada para a construção das informações profissionais da forma correta.

Por exemplo, para quem atua em segmentos empresariais ou que estejam relacionados a atividades que peçam mais formalidade no tratamento, o currículo do profissional deve ser elaborado de forma mais discreta, com uma linguagem que seja correspondente à forma como os profissionais de seu segmento atuam. Da mesma forma, quando o segmento de atuação forma mais informal a linguagem e a disposição das informações devem acompanhar o que tradicionalmente é desenvolvido neste campo.

COMO DESCREVER AS INFORMAÇÕES

É muito importante que o candidato saiba que, embora seu campo de atuação possa lhe dizer que forma seu currículo pode ser formulado, assim como, a linguagem a ser utilizada, este candidato não poderá esquecer de forma alguma, que um currículo tem uma finalidade exclusivamente profissional e, portanto, independente da linguagem utilizada, a seriedade deve ser mantida e é indispensável.

Assim, as informações devem ser descritas seguindo uma linha objetiva para a apresentação de dados e que ofereça ao entrevistador as informações básicas principais para que um candidato seja selecionado para uma entrevista pessoal, e posteriormente, seja contratado para a atuação na empresa.

O candidato não deve esquecer também, que um currículo bem elaborado pode representar um ponto muito positivo para o empregador, antes mesmo do candidato ser chamado para a entrevista pessoal, e da mesma forma, um currículo inadequado pode anular as chances de contratação de um profissional.

O QUE NÃO PODE FALTAR

A boa apresentação do currículo é absolutamente imprescindível para causar uma boa impressão ao entrevistador.

COMO FAZER CURRÍCULOS QUE SÃO UMA MÁQUINA DE CONVITES PARA ENTREVISTA

Quando um profissional da área de recrutamento e seleção vai avaliar alguns currículos é possível compreender que um candidato que apresenta um currículo sem erros de língua portuguesa – ou sobre o idioma no qual foi escrito – assim como, um currículo em perfeito estado de conservação (no caso do currículo impresso), com cores sóbrias e informações descritas de maneira objetiva, pode encontrar muito mais chances de receber um contato para entrevista, do que um candidato que apresenta um currículo com erros de ortografia, com pontos amassados ou sujos, ou cores e linguagem imprópria.

Pode-se dizer que o currículo demonstra as forma como o profissional trabalha, pois, o entrevistador já enxerga naquele documento, um trabalho desenvolvido por este candidato, de forma que o currículo enviado já é um ponto sobre o qual o candidato está sendo avaliado por um entrevistador.

Leia também:

Equipe Como Trabalhar

2 Comments

Deixe o seu comentário!