Como trabalhar na Caixa Econômica Federal

                A vida pede mais que um banco

                Na vida buscamos sempre nos destacar e trabalhar nas melhores empresas. Procuramos formas de como trabalhar em bancos, como trabalhar em grandes multinacionais, mas esquecemos de que existem ótimas empresas estatais que procuram empregos:

Neste artigo, você verá como trabalhar na Caixa Econômica Federal. Confira!

Como trabalhar na Caixa

Sobre a Caixa

A Caixa Econômica Federal foi fundada em 1861 por Dom Pedro II para dar mais força à poupança e dar empréstimos sob penhor. Os juros na época eram altíssimos, e a Caixa veio para desbancar com eles.

Curiosamente, é o que ela faz até hoje: fornece um aporte para todos os seus clientes conseguirem o que desejam, inclusive o sonho da casa própria.

Como trabalhar na Caixa

Todos que descobrem os salários dos funcionários da Caixa Econômica Federal desejam um emprego lá. O mínimo é 1.500 reais mensais, ou seja, um bom salário para estagiários e, até mesmo, pessoas desempregadas.

A conquista da vaga é democrática, pois é realizada via concurso público. Tudo que o interessado deve fazer é estudar. Como funcionários concursados muito raramente perdem o emprego, a maioria costuma se aposentar na empresa, ocupando sua vaga até os 60 anos de idade, em média. Por esta razão, as provas costumam ocorrer a cada 2 anos ou 4 anos, abrindo poucas oportunidades.

Quando a pessoa está dentro da empresa, ocorrem ocasionalmente processos seletivos internos para escolher quem subirá de cargo e ganhará aumento salarial, além de mais poder na empresa. Advogados, por exemplo, podem ganhar algo em torno de 6 mil reais mensais ao ingressar, trabalhando apenas 6 horas por dia.

Conclusão

Boa remuneração, oportunidade de crescimento dentro da empresa e estabilidade financeira é o que todos querem não é mesmo? Agora que você sabe como trabalhar na Caixa, foque-se em estudar bastante.

Boa sorte!

Sobre Victor Palandi

Victor Palandi é redator freelancer e blogueiro. Para saber mais, acesse: www.victorpalandi.com

Deixe uma resposta